Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]




Mais de mil milhões de pessoas no mundo têm fome, devido à crise económica e à subida dos preços dos alimentos nos últimos três anos, afirmou hoje o director geral da Organização para a Alimentação e Agricultura (FAO).

"Em 2009, o número daqueles que sofrem de fome no mundo aumentou 105 milhões em relação a 2008 e o número ultrapassa hoje os mil milhões", afirmou Jacques Diouf, na abertura dos trabalhos da XXXI Conferência Regional da FAO para a América Latina e as Caraíbas, que está a decorrer no Panamá.

Destes mil milhões de pessoas, 642 milhões vivem na Ásia e no Pacífico, 265 milhões em África, 42 milhões na América Latina e nas Caraíbas e 15 milhões nos países desenvolvidos, adiantou Diouf.

Autoria e outros dados (tags, etc)